Tanchagem



Tanchagem

Muitas vezes são chamadas de “erva daninha”, mas poucos sabem que é uma potente erva medicinal.

Uma plantinha que cresce espontaneamente em terrenos baldios, beira de estrada, calçadas, plantações e até nos seus vasos plantados. São diversas as espécies de tanchagens que se conhecem e são utilizadas como ervas medicinais e plantas comestíveis, pois em cada região do mundo ela surge com características diferenciadas. No Brasil, o nome tanchagem é dado a algumas das espécies do gênero Plantago.

Aqui falaremos da tanchagem que possui 7 veias na folha (Plantago Major), a mais utilizada entre as mais de 158 espécies confirmadas do gênero.

As tanchagens não possuem caule. Soltam uma roseta de folhas acima do solo e, no centro destas, um caule com sementes ou flores pequeninas. Para reconhecê-la é importante atentar-se às 7 veias que as diferenciam de outras ervas semelhantes no formato. Folhas jovens, flores e sementes são comestíveis tanto cruas como cozidas. Pode ser usada em diversas receitas de sucos, bolinhos fritos, refogados, molhos, pães e saladas. As folhas tenras são agradáveis quando consumidas, frescas são utilizadas em saladas, secas para fins medicinais e chás e as mais velhas ficam melhores cozidas em sopas ou refogados.

Seguem alguns dos seus benefícios:
• Suas folhas e raízes têm ação anti-inflamatória, antisséptica, anti-hemorrágica, antibacterianas, cicatrizantes e estimulantes do sistema imunológico;
• Auxiliam na regeneração da pele;
• Muito utilizada na medicina de vários povos e na medicina popular, são ricas em cálcio e outros minerais;
• Ricas em vitaminas, especialmente a vitamina K, por isso seu uso muito promissor para conter cortes e feridas sangrantes.

Os povos antigos usavam como emplastros para curativos de feridas, baixar a febre, retirar toxinas de picadas e mordidas de animais peçonhentos, incluindo picadas de cobra. Segundo eles, a tanchagem “puxa” o veneno para fora do corpo, por isso se coloca o cataplasma e, em seguida, se lava o local com o chá.

E aí, gostou das dicas dessa PANC amiga? Que tal compartilhar essas informações com mais pessoas?

Nome Científico:
Plantago Major


Nome Popular:
Tanchagem, Tansagem. Trançagem


Partes utilizadas:
Folhas e sementes


Sementes de Tanchagem
Conforme observar a secagem do pendão de sementes, colher e deixar por uns dias reservado em um recipiente. Depois basta segurar pela ponta de cima pinçando com os dedos e puxar, fazendo com que saiam as sementes. As casquinhas sairão junto. Elas são comestíveis e nutritivas, não é necessário removê-las, mas caso queira, é possível retirar seu excesso com um simples sopro.